Balneário Camboriú recebe selo internacional ‘Município Lixo Fora D’Água’ por suas ações ambientais

Relacionadas

Balneário Camboriú foi oficialmente certificada, na manhã desta terça-feira (24), com o selo ‘Município Lixo Fora D’Água’, concedido pela Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais (ABRELPE), representante nacional da International Solid Waste Association (ISWA).

A cidade é a primeira do Brasil a receber o selo do programa que integra desde 2018. 

“Selo representa a alma de Balneário”, disse o prefeito (Foto Divulgação/PMBC)

A placa representativa foi entregue ao prefeito Fabrício Oliveira pelo presidente da ABRELPE e da ISWA no Brasil, Carlos Silva Filho. 

O Página 3 esteve na cerimônia, no Hotel Mercure, que reuniu autoridades e representatividades ligadas às causas ambientais, entre elas o velejador Vilfredo Schurmann, que comanda a quarta expedição da Família Schurmann, que parte de Balneário Camboriú no domingo (29).

‘Alma de Balneário Camboriú’ 

O prefeito Fabrício Oliveira disse que a praia representa a grandeza da cidade, mas que o selo Município Lixo Fora D’Água representa a alma da cidade. 

“A alma de uma cidade que tem que ter no meio-ambiente o seu pulmão econômico. Se não fosse assim não faríamos tantas obras embaixo da terra, que já refletem em números positivos [como o esgoto, com a cidade quase 100% saneada]. Estamos em um momento de ressignificação de vida e as pessoas estão buscando contato com vida, e natureza é vida. Por isso, as pessoas tem que ver a cidade com balneabilidade, tem que ver o Rio das Ostras recuperado, tem que vir aqui e perceber que a Bandeira Azul não é um título para atrair turista, mas sim um título para atrair conceito, que propaga educação ambiental. Estou muito feliz com esse momento”, disse. 

Fabrício aproveitou para agradecer a parceria com a Família Schurmann, que levará o trabalho que Balneário está realizando para o mundo. 

“Eles tem uma história de viagens, conhecimento e proteção com o meio-ambiente. São para nós uma referência e vão levar Balneário Camboriú para o mundo! Nós tivemos uma conversa através da ‘provocação’ deles, nos sentimos honrados e abraçamos a ideia”, acrescenta. 

ABRELPE destaca participação de Balneário 

O presidente da ABRELPE, Carlos Silva Filho, elogiou a participação de Balneário, que por seu trabalho desenvolvido ao longo dos últimos anos fez com que a cidade obtivesse a primeira certificação do Brasil deste tão importante selo.

Presidente da Abrelpe elogia ações locais (Foto Renata Rutes)

“Começamos em Santos em 2018, abrimos o chamamento para que outras cidades participassem e Balneário se inscreveu, sendo hoje o nosso destaque. Temos 11 municípios nessa seleta lista, com Balneário como referência e inspiração. Vejo que a tão falada retomada do turismo precisa ser verde e sustentável”, afirmou. 

Schurmann elogiou ações voltadas ao meio-ambiente 

O velejador Vilfredo Schurmann, comandante do Veleiro Kat, que partirá domingo do Atracadouro Tedesco, destacou que ta nova expedição foi idealizada na última viagem da família, quando passaram por uma pequena ilha perto de Papua Nova Guiné, que tinha muito lixo.

Schurmann destacou preocupação ambiental (Foto Renata Rutes)

“Eu gravei e postamos o vídeo, sem pretensão, e teve mais de dois milhões de visualizações, com isso percebemos que as pessoas estão preocupadas e que precisamos ter uma visão de futuro, pensando em um mundo melhor”, diz. 

A terceira expedição da Família partiu de Itajaí. Schurmann decidiu conversar com o prefeito Fabrício, para a nova expedição partir de Balneário e ele apoiou a ideia.

“Percebemos que tínhamos uma ligação, porque o que ele [o prefeito] está fazendo em termos de sustentabilidade, encaixa conosco! Realmente a filosofia desse trabalho é muito interessante e é a mesma visão que temos. As pessoas não sabem, mas 70, 80% do lixo no litoral brasileiro vem da terra, dos rios e vai parar na praia. Em Balneário você quase não vê porque há uma limpeza muito frequente”, explica.

Família sugeriu que Balneário Camboriú adere compactação de lixo 

Schurmann disse que já sugeriu algumas ações para o prefeito Fabrício, como a compactação de lixo – quando a Família esteve na Antártida, por 25 dias, 11 pessoas, fizeram apenas três pacotinhos de lixo. 

“Então, por que não, os edifícios de Balneário terem a sua compactadora? Tudo compacta, é menos caminhão de lixo, menos poluição! Se Balneário Camboriú levar essa ideia seria a primeira cidade brasileira a colocar essa ação em prática!”, acrescenta. 

Veleiro Kat chega nesta noite na Marina Tedesco

Schurmann contou que a Família está muito ansiosa para essa próxima aventura e antecipou ao Página 3 que o barco virá nesta noite de terça-feira (24) para a Marina Tedesco. 

“As expectativas são excelentes, temos a coletiva com a imprensa no final da semana, já sabemos que o público está se programando para ir nos ver, mas infelizmente não podemos fazer algo tão grande. Teremos uma programação, mas o público não poderá chegar perto, estamos trabalhando muito para que todos fiquem seguros”, completa. 

Secretária do Meio Ambiente destaca ações  

Secretária anunciou novidades ambientais (Foto Renata Rutes)

A secretária do Meio Ambiente, Maria Heloísa Lenzi citou as ações que a cidade vem desenvolvendo, com destaque para o aplicativo que será lançado até o final do ano, onde a comunidade poderá saber a hora que o caminhão do lixo passará, assim evitando que o lixo fique na rua e seja ‘revirado’ por moradores de rua ou animais, etc. Elogiou o ReciclaBC, afirmando que a Ambiental e o ReciclaBC foram essenciais para melhora da coleta seletiva.

Heloísa também citou o projeto em andamento de limpeza dos costões das praias do município, que está sendo comandado pela Univali e pode durar entre cinco e 12 meses. Assim como nos últimos anos, Balneário continua certificada com a Bandeira Azul, e fará novamente a ação de conscientização, o Programa Praia Limpa. 

Secretário de Turismo diz que será criado selo municipal 

BC terá selos de qualificação, inclusive de sustentabilidade, disse Geninho (Foto Renata Rutes)

O secretário de Turismo, Geninho Góes, destacou que a cidade busca por um turismo de qualidade, que é diferente de um turismo quantitativo. 

“Não queremos bater recordes de público, queremos um turismo de qualidade, que seja sustentável, bom para a cidade, para seus moradores e para o meio-ambiente. Estamos criando selos que os empreendimentos turísticos terão e um deles contempla ações voltadas para o meio-ambiente, como reutilização, reciclagem, etc.”, disse.

The post Balneário Camboriú recebe selo internacional ‘Município Lixo Fora D’Água’ por suas ações ambientais first appeared on Página 3 – Notícias de Balneário Camboriú.

Mais notícias dessa editoria

Advertisment

Leia também