Diretor-geral da Emasa vai à Câmara esclarecer suspeitas de terceirização

Relacionadas

O diretor-geral da Emasa, Douglas Costa Beber Rocha, será ouvido nesta terça-feira,  na Câmara de Vereadores, visando esclarecer a contratação da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE) para elaborar Procedimento de Manifestação de Interesse (PMI), um estudo que normalmente antecede parcerias público-privadas.

O requerimento foi formulado pelos vereadores André Meirinho e Marcelo Achutti, porque existe a preocupação de que a Emasa queira entregar a particulares parte da sua operação.

Funcionários de carreira que não querem se identificar , alegam que a Emasa vive um processo de “desmonte fiscal!” para não ter dinheiro que sustentem investimentos necessários nos próximos anos e com isso seja obrigada a terceirizar suas operações que são altamente rentáveis.Douglas, o diretor-geral da Emasa, disse ao Página 3 dias atrás que ir à Câmara será uma oportunidade de “elevar o nível do debate”.

The post Diretor-geral da Emasa vai à Câmara esclarecer suspeitas de terceirização first appeared on Página 3 – Notícias de Balneário Camboriú.

Mais notícias dessa editoria

Advertisment

Leia também