‘Eu também sou do mato’ é a campeã do Festival da Canção de Balneário Camboriú

Relacionadas

O compositor e letrista Vê Domingos, a cantora Giana Cervi e a acordeonista Amanda Patis interpretaram ‘Eu também sou do mato’, a música que venceu o 10º Festival da Canção de Balneário Camboriú, na noite deste sábado (27), no Teatro Municipal Bruno Nitz.

Venâncio Domingos Neto, popularmente conhecido como Vê Domingos e Giana Cervi assinam letra, melodia e arranjo da melhor canção do Festival, que eles levaram ao público com voz e violão e acompanhamento da acordeonista Amanda Patis.

Uma música que fala da natureza, de pássaros, de boiada na estrada, e que encantou o público com sua melodia suave.
Os campeões do festival receberam um cheque de R$ 8,6 mil.

“É uma canção que fala sobre coisas simples da vida, uma canção que fala de amor e por isso tem muito poder”, disse Vê Domingos.

A vice-campeã do Festival é a canção ‘Tenho confiança na gente do sul’, interpretada por Juan Daniel Isernhagen. O prêmio foi um cheque de R$ 5,2 mil.

‘Tenho confiança na gente do Sul’, a vice-campeã.

A medalha de bronze foi para a cantora, instrumentista e educadora musical, Elisa Maria Cordeiro com sua ‘Deusa Música’. Para o terceiro lugar, um cheque de R$ 3,6 mil.

Elisa Cordeiro, terceira colocada

A Fundação Cultural também premiou com troféus:

*Melhor instrumentista – Sete Bass, contrabaixista na canção “Deusa Música”;

  • Melhor intérprete – Ita Cunha, cantor nativista da música “Tenho confiança na gente do Sul”;
  • Melhor letra – “Eu também sou do mato”, de Venâncio Domingos Neto;
  • Música mais curtida – Morada de Sonho, de Leonardo Schmitt Vieira.

A Comissão Julgadora: Luciano Candemil, Rodrigo Paiva, Alexandre Siqueira, Cezar Oliveira e a madrinha do Festival, Karinah.

O prefeito Fabrício Oliveira que é músico, elogiou o nível do Festival – nesta edição foram 30 inscritos. Ele disse que independente do resultado, todos demonstraram que tem muito talento.

“O Festival tem o objetivo de fomentar a cultura local e Balneário Camboriú se orgulha de seus artistas”, disse o prefeito.

Quem também elogiou o Festival foi a convidada especial, madrinha do evento, a cantora Karinah.

“Me sinto grata em ser madrinha de algo tão importante e jurada destas lindas canções aqui apresentadas. Numa próxima, espero vir como competidora”, brincou a madrinha.

Também participaram de shows as cantoras Laura Schadek, Marilice Caldart e Maykow Santos.

A Fundação Cultural transmitiu a final ao vivo no Facebook da Prefeitura e está disponível para assistir neste link https://fb.watch/9zq4T__9iV/.

Fotos:PMBC.

The post ‘Eu também sou do mato’ é a campeã do Festival da Canção de Balneário Camboriú first appeared on Página 3 – Notícias de Balneário Camboriú.

Mais notícias dessa editoria

Advertisment

Leia também