Feriado será movimentado em Balneário Camboriú: ocupação hoteleira deve chegar a 60%, o máximo permitido

Relacionadas

Os empresários de Balneário Camboriú ligados ao turismo – como comerciantes, hoteleiros e donos de bares e restaurantes – estão com ótimas expectativas para o feriado de 12 de outubro (segunda-feira), com a ocupação hoteleira devendo chegar aos 60% permitidos pelo decreto estadual de prevenção ao Covid-19.

Até quarta-feira (7) a região da Amfri, a qual Balneário pertence, estava na faixa amarela (Risco Alto) para contágio da doença, que permitia 80% de lotação nos hotéis, mas voltou para a faixa laranja (Risco Grave) e por isso houve redução do número da ocupação dos meios de hospedagem. O tempo deve ajudar, com previsão de sol a partir de sábado (10).

“O interessante era liberar tudo, mas temos que seguir o decreto estadual”

O secretário de Turismo, Valdir Walendowsky (foto), diz que a expectativa dos hoteleiros da cidade é lotar a capacidade permitida pelo decreto estadual (60%), e que se estivesse permitido mais, lotaria mais.

“Estávamos trabalhando com os 80% da faixa amarela, mas voltou para 60 de novo. O interessante era liberar tudo [100% de ocupação], mas temos que seguir o decreto estadual”, comenta.

Segundo Walendowsky, os turistas – predominantemente famílias – devem vir de cidades catarinenses como também do Paraná, havendo ainda chance de paulistas procurarem Balneário para aproveitarem o feriadão.

“Os empresários terão neste feriado a chance de poderem tirar um pouco do ‘atraso’ do ano. Compensará um pouco do que não foi feito durante os outros meses, essa é a nossa expectativa”, acrescenta.

Presidente do Convention lembra que Dia dos Professores foi antecipado

A hoteleira Margot Rosenbrock Libório, que preside o Balneário Camboriú Convention & Visitors Bureau, conta que desde terça-feira (6) está acontecendo um aumento nas reservas – algo que vem acontecendo neste ano, com as pessoas decidindo em datas próximas que vão viajar e reservando pouco antes da data.

“Acredito que vamos atingir o máximo permitido, os 60%. Em alguns lugares houve antecipação do Dia dos Professores, que é dia 15, para terça (13), então há turistas que terão um dia a mais para viajarem, e isso incentiva a virem também de mais longe, como São Paulo, mas virão principalmente do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul”, afirma.

Margot analisa que o movimento previsto para o feriado mostra que as pessoas estão com necessidade de sair e viajar, pois estão cansadas do isolamento – que já dura sete meses.

“Aqueles que podem espairecer estão fazendo isso. Acredito que se a doença se mantiver assim, controlada, poderemos ter um verão muito bom, mas tudo muda a cada semana, então temos que seguir esperando. Se conseguirmos fazer uma decoração de Natal e Réveillon vai ser legal, vejo que é importante para a cidade. As festas de fim de ano unem as pessoas, e neste ano elas terão um valor ainda mais importante. Se as coisas melhorarem, e a cidade achar que é viável ter, podemos fazer”, diz.

Otimismo para o feriado e para a temporada de verão

O presidente do Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Balneário Camboriú e Região (Sindisol), Isaac Pires, concorda com Walendowsky e Margot e acredita que a ocupação hoteleira na cidade deve chegar nos 60% realmente.

“Muitas pessoas estão procurando viagens, estamos muito otimistas com este feriado e com a temporada de verão, inclusive já estamos programando ações para ela”, relata, citando que os visitantes (que tendem a ser famílias com crianças, por conta do Dia delas, e casais) devem vir principalmente da região Sul, com destaque para as cidades de Curitiba e São Paulo.

“As tarifas estão melhores e isso atrai os visitantes. Voltamos a viver um cenário positivo, com a diminuição dos casos de Covid, estamos muito positivos e felizes”, pontua.

Comércio está esperançoso

O presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Balneário Camboriú, Vilton João dos Santos, afirma que a previsão é de ser um ‘feriadão maravilhoso’, já que a tendência é que o tempo ajude, com sol a partir de sábado (10) e chuva somente na noite de terça-feira (13).

“Muitas pessoas não vieram para o 7 de setembro porque o tempo não ajudou, mas desta vez a previsão é de sol, então vemos que tende a ser um feriado digno de alta temporada. Estamos vivendo um momento muito interessante, há uma forte demanda reprimida de consumo aliada à onda de otimismo. Vemos que o pior já passou. A economia pessoal também voltou a se equilibrar, já que as pessoas estiveram gastando menos, e com dinheiro sobrando mais, podem viajar e voltar a consumir”, analisa.

O empresário destaca que esperam um aquecimento de vendas, e que como há uma demanda reprimida de público que quer curtir a praia, o comércio que deve ser mais beneficiado pelo feriado é o de rua, como Avenida Brasil e seus arredores.

“A Brasil é o nosso principal ‘corredor’, mas todos serão beneficiados, já que esperamos muitos visitantes. O Airbnb também está tendo crescimento, já que os hotéis estão com lotação restrita. Já sobre a temporada, a CDL tem uma grande expectativa também, aliada ao fato de que brasileiros que iriam para o exterior estão receosos e tendem a fazer turismo nacional. A nossa cidade, que é muito especial, sem dúvidas é um destino forte”, acrescenta.

Bares e restaurantes também

Max Mota, presidente da Associação dos Bares e Restaurantes de Balneário Camboriú (ABRES), diz que as expectativas são ‘as melhores possíveis’ para os donos de bares e restaurantes da cidade, e que estão acompanhando os números de reservas da rede hoteleira, acreditando que será ‘tão bom quanto foi o 7 de setembro’, mas que desta vez o clima vai ajudar, já que no último feriado choveu.

“Com certeza vai trazer uma ótima contribuição para o nosso setor, que ‘apanhou’ tanto durante a pandemia. Foi tão difícil ter um retorno, conseguir sanar as dívidas que foram contraídas durante o período que ficamos parados. Os custos não pararam em momento algum, aluguéis, contas de luz, funcionários, impostos, tudo isso permaneceu. E nada melhor do que esse feriadão para conseguirmos sanar os débitos, dar uma respirada. Estamos esperando e nos preparando para um feriado que tende a ser muito positivo”, explica.

Os empresários da gastronomia também já estão focados na temporada de verão, e acreditam que ela deve ser bastante favorável para Balneário e região. Max cita a localização do município e também os novos atrativos turísticos, como a FG Big Wheel – que será inaugurada na primeira quinzena de dezembro e o Oceanic Aquarium, que abriu na temporada passada.

“Outro grande diferencial é o valor do dólar e do euro, que estão disparados, além da restrição de entrada de brasileiros em alguns países. Várias pessoas por medo da pandemia também estão com medo de viajar de avião, e vão optar por um ambiente mais seguro. Balneário está há um bom tempo investindo em segurança sanitária ligada ao turismo, incluindo os bares e restaurantes, e isso dá tranquilidade aos turistas, que serão muito bem recebidos e com muita segurança. Por isso, todo o setor acredita que teremos uma ótima temporada”, completa.

Mais notícias dessa editoria

Advertisment

Leia também