Feriado será movimentado em Balneário Camboriú: ocupação hoteleira deve chegar a 60%, o máximo permitido

Relacionadas

Os empresários de Balneário Camboriú ligados ao turismo – como comerciantes, hoteleiros e donos de bares e restaurantes – estão com ótimas expectativas para o feriado de 12 de outubro (segunda-feira), com a ocupação hoteleira devendo chegar aos 60% permitidos pelo decreto estadual de prevenção ao Covid-19.

Até quarta-feira (7) a região da Amfri, a qual Balneário pertence, estava na faixa amarela (Risco Alto) para contágio da doença, que permitia 80% de lotação nos hotéis, mas voltou para a faixa laranja (Risco Grave) e por isso houve redução do número da ocupação dos meios de hospedagem. O tempo deve ajudar, com previsão de sol a partir de sábado (10).

“O interessante era liberar tudo, mas temos que seguir o decreto estadual”

O secretário de Turismo, Valdir Walendowsky (foto), diz que a expectativa dos hoteleiros da cidade é lotar a capacidade permitida pelo decreto estadual (60%), e que se estivesse permitido mais, lotaria mais.

“Estávamos trabalhando com os 80% da faixa amarela, mas voltou para 60 de novo. O interessante era liberar tudo [100% de ocupação], mas temos que seguir o decreto estadual”, comenta.

Segundo Walendowsky, os turistas – predominantemente famílias – devem vir de cidades catarinenses como também do Paraná, havendo ainda chance de paulistas procurarem Balneário para aproveitarem o feriadão.

“Os empresários terão neste feriado a chance de poderem tirar um pouco do ‘atraso’ do ano. Compensará um pouco do que não foi feito durante os outros meses, essa é a nossa expectativa”, acrescenta.

Presidente do Convention lembra que Dia dos Professores foi antecipado

A hoteleira Margot Rosenbrock Libório, que preside o Balneário Camboriú Convention & Visitors Bureau, conta que desde terça-feira (6) está acontecendo um aumento nas reservas – algo que vem acontecendo neste ano, com as pessoas decidindo em datas próximas que vão viajar e reservando pouco antes da data.

“Acredito que vamos atingir o máximo permitido, os 60%. Em alguns lugares houve antecipação do Dia dos Professores, que é dia 15, para terça (13), então há turistas que terão um dia a mais para viajarem, e isso incentiva a virem também de mais longe, como São Paulo, mas virão principalmente do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul”, afirma.

Margot analisa que o movimento previsto para o feriado mostra que as pessoas estão com necessidade de sair e viajar, pois estão cansadas do isolamento – que já dura sete meses.

“Aqueles que podem espairecer estão fazendo isso. Acredito que se a doença se mantiver assim, controlada, poderemos ter um verão muito bom, mas tudo muda a cada semana, então temos que seguir esperando. Se conseguirmos fazer uma decoração de Natal e Réveillon vai ser legal, vejo que é importante para a cidade. As festas de fim de ano unem as pessoas, e neste ano elas terão um valor ainda mais importante. Se as coisas melhorarem, e a cidade achar que é viável ter, podemos fazer”, diz.

Otimismo para o feriado e para a temporada de verão

O presidente do Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Balneário Camboriú e Região (Sindisol), Isaac Pires, concorda com Walendowsky e Margot e acredita que a ocupação hoteleira na cidade deve chegar nos 60% realmente.

“Muitas pessoas estão procurando viagens, estamos muito otimistas com este feriado e com a temporada de verão, inclusive já estamos programando ações para ela”, relata, citando que os visitantes (que tendem a ser famílias com crianças, por conta do Dia delas, e casais) devem vir principalmente da região Sul, com destaque para as cidades de Curitiba e São Paulo.

“As tarifas estão melhores e isso atrai os visitantes. Voltamos a viver um cenário positivo, com a diminuição dos casos de Covid, estamos muito positivos e felizes”, pontua.

Comércio está esperançoso

O presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Balneário Camboriú, Vilton João dos Santos, afirma que a previsão é de ser um ‘feriadão maravilhoso’, já que a tendência é que o tempo ajude, com sol a partir de sábado (10) e chuva somente na noite de terça-feira (13).

“Muitas pessoas não vieram para o 7 de setembro porque o tempo não ajudou, mas desta vez a previsão é de sol, então vemos que tende a ser um feriado digno de alta temporada. Estamos vivendo um momento muito interessante, há uma forte demanda reprimida de consumo aliada à onda de otimismo. Vemos que o pior já passou. A economia pessoal também voltou a se equilibrar, já que as pessoas estiveram gastando menos, e com dinheiro sobrando mais, podem viajar e voltar a consumir”, analisa.

O empresário destaca que esperam um aquecimento de vendas, e que como há uma demanda reprimida de público que quer curtir a praia, o comércio que deve ser mais beneficiado pelo feriado é o de rua, como Avenida Brasil e seus arredores.

“A Brasil é o nosso principal ‘corredor’, mas todos serão beneficiados, já que esperamos muitos visitantes. O Airbnb também está tendo crescimento, já que os hotéis estão com lotação restrita. Já sobre a temporada, a CDL tem uma grande expectativa também, aliada ao fato de que brasileiros que iriam para o exterior estão receosos e tendem a fazer turismo nacional. A nossa cidade, que é muito especial, sem dúvidas é um destino forte”, acrescenta.

Bares e restaurantes também

Max Mota, presidente da Associação dos Bares e Restaurantes de Balneário Camboriú (ABRES), diz que as expectativas são ‘as melhores possíveis’ para os donos de bares e restaurantes da cidade, e que estão acompanhando os números de reservas da rede hoteleira, acreditando que será ‘tão bom quanto foi o 7 de setembro’, mas que desta vez o clima vai ajudar, já que no último feriado choveu.

“Com certeza vai trazer uma ótima contribuição para o nosso setor, que ‘apanhou’ tanto durante a pandemia. Foi tão difícil ter um retorno, conseguir sanar as dívidas que foram contraídas durante o período que ficamos parados. Os custos não pararam em momento algum, aluguéis, contas de luz, funcionários, impostos, tudo isso permaneceu. E nada melhor do que esse feriadão para conseguirmos sanar os débitos, dar uma respirada. Estamos esperando e nos preparando para um feriado que tende a ser muito positivo”, explica.

Os empresários da gastronomia também já estão focados na temporada de verão, e acreditam que ela deve ser bastante favorável para Balneário e região. Max cita a localização do município e também os novos atrativos turísticos, como a FG Big Wheel – que será inaugurada na primeira quinzena de dezembro e o Oceanic Aquarium, que abriu na temporada passada.

“Outro grande diferencial é o valor do dólar e do euro, que estão disparados, além da restrição de entrada de brasileiros em alguns países. Várias pessoas por medo da pandemia também estão com medo de viajar de avião, e vão optar por um ambiente mais seguro. Balneário está há um bom tempo investindo em segurança sanitária ligada ao turismo, incluindo os bares e restaurantes, e isso dá tranquilidade aos turistas, que serão muito bem recebidos e com muita segurança. Por isso, todo o setor acredita que teremos uma ótima temporada”, completa.

Mais notícias dessa editoria

Advertisment

Leia também

Balneário Camboriú recebe 1º Festival Nacional de Café “To Go” nesta semana com preparos de até R$ 5

1º Festival Nacional de Café “To Go”, inicia nesta quinta-feira (29) e segue até domingo (1).

Grupo Solidariedade e Amor promove último bazar do ano

Este ano afetou a vida de todo mundo, porém, para algumas pessoas a situação ficou ainda mais difícil. Muitas famílias foram afetadas com o...

Praiana irá operar o transporte coletivo em Balneário Camboriú

Prefeitura ainda não informou preços, linhas e horários