Guarda Municipal vai intensificar rondas na Praia dos Amores após reunião com moradores

Relacionadas

Como era esperado pela Associação de Moradores da Praia dos Amores (AMPA), foi positiva a participação da comunidade no encontro com o secretário de Segurança de Balneário, Antônio Gabriel Castanheira Junior, nesta terça-feira (2), diferente da reunião ocorrida em março. 

Na pauta, a segurança do bairro que ficou ainda mais preocupante depois dos cinco furtos de veículos registrados recentemente. 

O presidente da associação, Valdir de Andrade, disse que gostou de ver a participação dos moradores e que a Guarda Municipal prometeu ampliar as rondas e mecanismos de resposta às ocorrências e que também irão ocorrer blitzes de trânsito zero álcool e zero ruído, já que o local é muito visitado por sua vida noturna e proximidade com a Praia Brava de Itajaí.

O secretário Castanheira disse ao Página 3 que há a suspeita de que uma quadrilha de Joinville seja a responsável pelos furtos ocorridos na Praia dos Amores. 

“Vamos intensificar o patrulhamento ali, mas isso é como uma febre – os bandidos vêm, fazem os crimes, param por um tempo… igual aconteceu com os roubos de relógio Rolex. Foi solicitado posto fixo no local, mas expliquei que as rondas, que já estamos fortalecendo, são mais efetivas”, comentou.

Castanheira explicou que analisou os dados de furtos de veículos na Praia dos Amores que hoje é, segundo ele, um dos bairros mais seguros da cidade. 

Teriam ocorrido alguns furtos antes desses últimos cinco, mas que antes eram contra pessoas que iam nas baladas e deixavam seus carros estacionados na via. 

“Agora revoltou porque atingiu os moradores. Foi diferente. Mas fizemos um levantamento dos últimos anos para chegar em uma análise completa. Na última reunião, ocorrida em março, teve poucas pessoas, na de ontem (2) teve mais e por isso foi bacana. Pude ouvi-los melhor, expliquei que vou uma vez por semestre a cada bairro para dar feedback e analisar novas ações, inclusive expliquei que uma reivindicação deles deu sucesso, que foi o fechamento da pousada onde ocorreu um homicídio e que era ponto de venda de drogas”, acrescentou.

Mais notícias dessa editoria

- publicidade -

Leia também