Inquérito conclui que motorista suspeito de matar jovem em Balneário Camboriú estava bêbado, ele não está preso

Relacionadas

A Polícia Civil concluiu que o motorista suspeito de atropelar e matar a jovem Jeane Fagundes, 23 anos, em 7 de fevereiro, na Barra Sul, estava alcoolizado.

Ele foi indiciado [indiciamento é quando a Autoridade Policial, nesse caso a Polícia Civil, atribui a autoria (ou participação) de uma infração penal a uma pessoa – há indícios e não certeza de tal] por homicídio doloso e lesão corporal leve (o namorado da jovem, que dirigia a motocicleta onde ela estava, também se feriu e um ciclista foi atropelado).

Segundo a Polícia Civil, o motorista que teria acertado a moto dirigida pelo namorado de Jeane tem 21 anos e se apresentou para prestar depoimento dois dias depois do acidente (após o atropelamento, ele abandonou o automóvel, um Citröen C3 e fugiu a pé, sem prestar socorro). Ele ainda está em liberdade, mas a Polícia Civil o indiciou por homicídio doloso e lesão corporal leve. O Ministério Público segue analisando o caso e deve se manifestar em breve.

Em depoimento, o suspeito disse não lembrar de detalhes sobre o acidente e teria informado que não havia bebido naquela noite, mas o passageiro que estava com ele confessou que ambos tinham ido em dois bares de Itajaí e que beberam. A polícia conseguiu imagens de câmeras de segurança que confirmam as informações – o motorista teria bebido quatro cervejas e um drink.

O inquérito cita que o motorista provavelmente estava em alta velocidade – o rapaz, que tem 21 anos, confessou que conduzia o carro envolvido no acidente, e ‘colado’ na moto dirigida pelo namorado da vítima. Ele não freou antes de colidir com a traseira da motocicleta. A garota e o namorado caíram e ela ainda foi arrastada por alguns metros, morrendo na hora.

Como ficou o carro que atropelou Jeane (Foto Polícia Civil)

The post Inquérito conclui que motorista suspeito de matar jovem em Balneário Camboriú estava bêbado, ele não está preso first appeared on Página 3.

Mais notícias dessa editoria

Advertisment

Leia também