Mesmo com aumento de 17% conta de água e esgoto de Balneário Camboriú não será a  mais cara da região

Relacionadas

A Emasa deverá aplicar nas próximas semanas um reajuste em torno de 17% nas contas de água e esgoto, mas mesmo assim continuará com tarifas mais baixas do que em outras cidades da região, em especial aquelas atendidas pela Aegea, uma empresa privada que atua em Camboriú, Bombinhas, Itapema e Penha.

A Emasa é a segunda maior empresa de saneamento da região e oferece cobertura de praticamente 100% do território municipal. Com faturamento neste ano estimado em R$ 83 milhões, a empresa precisaria de uns R$ 300 milhões para enfrentar seus dois maiores desafios: deficiência na estação de tratamento de esgotos e reserva insuficiente de água bruta.  

O quadro abaixo, preparado por técnicos no assunto a pedido do Página 3, mostra o custo de até 10 m3, incluindo a Tarifa Fixa de Disponibilidade de Infraestrutura (TFDI); água e esgoto, nas 11 cidades da Amfri. 

O detalhamento dessas tabelas de preços, que aumentam quanto maior for o consumo, pode ser obtido nos portais de internet de cada uma das empresas.

Chama atenção neste quadro, o preço do saneamento em Bombinhas, cidade onde frequentemente falta água nas temporadas e cuja rede de esgotos não chega a cobrir 20% da necessidade.

Cidade/Empresa TFDI Água Esgoto Total
Balneário Camboriú – Emasa 31,40 4,60 3,68 39,68
Balneário Piçarras – Casan 30.24 20,10 20,10 40,20
Bombinhas – Aegea 77,90 77,90 155,80
Camboriú – Aegea 38,99 não tem 38,99
Ilhota – Samae 41,35 não tem 41,35
Itajaí – Semasa 32,10 25,68 57,78
Itapema – Águas de Itapema 47,50 47,50 95,0
Luiz Alves – Casan 30,24 20,10 20,10 40,20
Navegantes – Sesan 36,50 Não tem 36,50
Penha – Aegea 58,86 Não tem 58,86
Porto Belo – EBS PB Abastec. 30,24 20,10 Não tem 50,34

The post Mesmo com aumento de 17% conta de água e esgoto de Balneário Camboriú não será a  mais cara da região first appeared on Página 3 – Notícias de Balneário Camboriú.

Mais notícias dessa editoria

Advertisment

Leia também