Mutirão contra Influenza rendeu 1.351 imunizações em Balneário Camboriú

Relacionadas

O mutirão que a Secretaria da Saúde realizou sábado para ampliar a imunização contra a Influenza, em Balneário Camboriú, foi positivo: 1.351 pessoas vacinaram. O Ministério da Saúde liberou a vacinação para maiores de seis meses de vida, até acabar o estoque do imunizante, em todo o país, porque este ano as metas estabelecidas para os grupos prioritários ficaram bem longe do esperado. Em Balneário Camboriú não foi diferente.

A campanha para grupos prioritários encerrou na sexta-feira (9). Somando com o mutirão de sábado, o municipio imunizou 26.543 pessoas na 23ª Campanha de Vacinação contra a Influenza (H1N1) na cidade.

Quem ainda não vacinou, mesmo fazendo parte dos grupos prioritários, deve comparecer  no Posto Central Central da Rua 1500 (das 8h às 12h) ou em qualquer outro posto do municipio (das 8h às 12h e das 13h30 às 17h). É preciso apresentar a carteira de vacinação e documento oficial com foto. A vacinação termina quando esgotarem as doses.

A secretária da saúde, Leila Crocomo reforçou a importância da vacina contra a Influenza.

“Neste sábado abrimos para toda a população que já estava com esta expectativa de receber a vacina da influenza. Esta vacina evita internação. Há 23 anos fazemos esta campanha, que ao longo destes anos podemos observar como diminuíram os óbitos por H1N1, principalmente em idosos. Muito importante que todos que agora tem a oportunidade compareçam nas UBS”, disse Leila.

Covid-19

A pessoa que foi imunizada contra a Covid-19 precisa aguardar pelo menos 14 dias após a primeira dose para ser vacinada contra a Influenza. As pessoas que apresentarem sintomas (febre, dor no corpo e falta de ar) não podem ser vacinadas. Caso tenham testado positivo para Covid-19, é necessário aguardar 30 dias após o início dos sintomas para que a imunização seja aplicada.

Prevenção

A transmissão dos vírus Influenza acontece por meio do contato com secreções das vias respiratórias, eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar. Também ocorre por meio das mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com mucosas (boca, olhos, nariz). 

Medidas simples podem evitar a doença, como: utilizar a máscara; manter distanciamento social; lavar as mãos várias vezes ao dia; cobrir o nariz e a boca com lenço descartável ao tossir ou espirrar; não compartilhar objetos de uso pessoal; além de evitar locais com aglomeração de pessoas.

Informações: Secretaria de Saúde (47) 3261-6200

The post Mutirão contra Influenza rendeu 1.351 imunizações em Balneário Camboriú first appeared on Página 3 – Notícias de Balneário Camboriú.

Mais notícias dessa editoria

Advertisment

Leia também