“O Tempo voa e a vida continua numa boa”, por Jonas Ramos

Relacionadas

Memória & Histórias 30 anos JP3

(Equipe de funcionários e colaboradores)

Durante esses 30 anos de jornalismo do Página3, passaram pela redação dezenas de funcionários e colaboradores, esse relato é de um deles.

Parece incrível que 30 anos passem de forma quase que imperceptível para a maioria das pessoas que viveram intensamente esse período. 

Grandes histórias ocorreram por aqui e fui encarregado pela nossa chefe, a Lisi, para contar alguma passagem pitoresca e que tenha marcado na história da cidade e do nosso jornal. Como estou por aqui nessas páginas por 29 anos, então vamos lá.

Balneário Camboriú sempre foi famosa por ter uma gastronomia diversificada e restaurantes incríveis, como o lendário Restaurante Imperatriz com seu elevador panorâmico que levava os clientes até o 30º andar, daquele que na época era o edifício mais alto do sul do Brasil. 

Mas também por ter lugares pitorescos como o Farol na Barra Sul, Churrasquinho na tábua do Alemão e o Poço das Pedras ao lado da ponte pênsil na Vila Real… apenas para citar alguns. 

Agora, disparado o mais diferenciado era o do Walmor anexo ao Posto do Jaison (Barreto) na Terceira Avenida. Ali era servida a melhor feijoada da cidade, preparada pelo Walmor e família. Empresários, comerciantes, artistas e políticos dos mais variados partidos passaram por ali. Como o proprietário do posto de gasolina era o ex-Senador Jaison Barreto diversas personalidades políticas davam o ar da graça de vez em quando, entre eles Jorge Bornhausen, Esperidião e Ângela Amin, Roberto Freire, Luiz Henrique da Silveira, Casildo Maldaner, Wilson Kleinubing, entre tantos outros. 

Mas a passagem do ex-Presidente Lula na sua primeira campanha foi marcante por um fato inusitado. A convite de Jaison Barreto, Luiz Inácio Lula da Silva participou de um carreteiro no posto e depois dos comes e bebes subiu numa cadeira improvisada de palanque e começou a discursar. Lá pelas tantas o figuraça do Bira Osório, conhecido por sua irreverência, interrompeu o discurso do líder esquerdista e, em alto e bom tom soltou a seguinte frase. 

“O seu Inácio o senhor tem carteira de trabalho”, foi um silêncio sepulcral, e Lula irritadíssimo respondeu “isso deve ser cobra mandada pelo Amin”. 

A gargalhada foi geral, e a turma do deixa disso tratou de levar o Bira, que não se calava, para dentro do pequeno salão do restaurante. Por fim acabou tudo bem, e Lula na sequência perdeu as eleições para Fernando Collor de Melo. 

Esta história ficou nos anais do JP3. Infelizmente o Bira não está mais entre nós e o Lula no curso da história chegou a Presidência da República por duas vezes e logo depois acabou preso na Operação Lava Jato. 

O restaurante do posto foi por muitos anos o local de comemoração dos aniversários do JP3. 

Bons tempos!

Nota da Redação: Jonas Ramos Jr. é o colunista mais antigo do Página3. Ele escreveu sua primeira coluna na edição 34, publicada em 13 de março de 1994 e continua escrevendo semanalmente no Página3 online. Jonas é advogado em BC.

The post “O Tempo voa e a vida continua numa boa”, por Jonas Ramos first appeared on Página 3 – Notícias de Balneário Camboriú.

Mais notícias dessa editoria

Advertisment

Leia também