PF e Receita fazem operação contra lavagem de dinheiro em apartamentos de luxo em Balneário Camboriú

Relacionadas

A Polícia Federal e a Receita Federal desarticularam uma organização criminosa, nesta manhã de terça-feira (15), especializada em lavagem de dinheiro do tráfico internacional de drogas, com ações em diversas cidades, incluindo Balneário Camboriú.

A Operação Vertigem, segundo a PF, é um desdobramento da Operação Enterprise, realizada em novembro de 2020. O objetivo é reprimir e desarticular um esquema de lavagem de dinheiro operacionalizado por meio da negociação e aquisição de apartamentos de alto padrão em Balneário Camboriú, que foram subsidiados com recursos do tráfico internacional de drogas.

Vídeo da PF mostra policiais em um dos apartamentos, que fica na Avenida Atlântica, no Pontal Norte.

Foram expedidos cinco mandados de busca e apreensão para cumprimento em Balneário, Itajaí e Arapongas(PR). Também foi decretado o sequestro de um imóvel de luxo que é objeto da lavagem de dinheiro.

As investigações revelaram que o esquema criminoso aconteceu por meio da realização de negócios jurídicos fraudulentos custeados com dinheiro de procedência ilícita [tráfico de drogas], havendo ainda o subfaturamento do valor dos imóveis e a utilização de “laranja” como forma de ocultar a identidade do real proprietário, que seria um narcotraficante internacional chefe do grupo criminoso responsável pela remessa de diversos carregamentos de cocaína para a Europa através do Porto de Paranaguá(PR).

Os investigados responderão pelo crime de lavagem de dinheiro, com penas que podem variar de três a 10 anos para cada ação.

The post PF e Receita fazem operação contra lavagem de dinheiro em apartamentos de luxo em Balneário Camboriú first appeared on Página 3 – Notícias de Balneário Camboriú.

Mais notícias dessa editoria

Advertisment

Leia também