Primeiro Pedal na Área de Proteção ao Ciclismo de Competição de Balneário Camboriú nesta quinta-feira

Relacionadas

Balneário Camboriú comemora o Dia Nacional do Ciclista, nesta quinta-feira (19), às 20h, com uma novidade: a primeira volta na Área de Proteção ao Ciclismo de Competição (APCC) da cidade, que é um trecho oval especial para ciclistas em treinamento, que pedalam mais rápido do que no passeio da ciclofaixa. 

Circuito (Divulgação)

Os ciclistas se reunirão na Rua 3.920 com a Avenida Atlântica para pedalar até a Barra Sul, por uma hora e depois 30 minutos de treino livre. É obrigatório o uso de luzes dianteiras e traseiras, capacete e sempre pedalar pelo lado direito da via. 

Um dos idealizadores do pedal é o ciclista e empresário Chaves Junior, ele salienta que a APCC foi criada pensando nos muitos atletas que não podem treinar durante o dia e o período noturno não é seguro para o treinamento em rodovias, desta forma humanizam uma parte da cidade que, em período de baixa temporada, tem um fluxo de carros e pessoas menor. 

“Esta APCC faz parte do Plano Nacional de Mobilidade previsto no artigo 24 da Lei nº 12.587 de 2012, além de que a cidade estaria sendo pioneira nesta área oferecendo para seus moradores uma área segura para a prática de esportes. Hoje observamos uma grande demanda de atletas que se arriscam em rodovias ou até mesmo na ciclofaixa da Avenida Atlântica para concluir seus treinamentos e agora terão esse trecho (da Rua 3.920 até a Barra Sul, de forma oval) para treinar, e o primeiro pedal será nesta quinta”, diz. 

Chaves disse que teve um treino assim em Itajaí na terça-feira (17) e participaram cerca de 60 ciclistas. Por ser um treino aberto ele espera um bom número de participantes, que devem vir de toda a região. 

“A expectativa é, com esse pedal, voltarmos a ter um calendário fixo de atividades. Temos apoio da prefeitura, dos Agentes de Trânsito e dos Bombeiros Voluntários”, conta. 

Chaves presidiu a ACBC – Associação de Ciclismo de Balneário Camboriú e Camboriú, bastante ativa na cidade, por nove anos. 

“Neste momento a entidade está em ‘standby’, mas deve retornar em breve com uma nova presidência. Estamos procurando ciclistas com novas ideias, pois é preciso”, acrescenta. 

Plano Cicloviário precisa avançar

Sobre o Dia Nacional do Ciclista, Chaves lembra que a data surgiu através de um acidente fatal envolvendo um ciclista de Brasília. 

“É uma data bem lamentável, mas que vemos com bons olhos porque é necessário sermos lembrados e precisa aumentar o respeito entre motoristas conosco. Em Balneário temos o mais recente projeto, que é a ciclovia da Estrada da Rainha e a consideramos muito bacana. A cidade cresceu, mas em alguns pontos está estagnada, como o Plano Cicloviário, que foi aprovado no fim de 2019, citando que chegaria a ter de 90 a 100km de ciclovia pela cidade, mas hoje tem só de 50 a 60km”, comenta, citando que o Plano precisa entrar em vigor pensando exatamente em quem usa a bicicleta no dia a dia como meio de transporte. 

“Haja vista que temos problema com o transporte público e aumentou muito o número de ciclistas que utilizam a bicicleta todos os dias para se deslocar pela cidade e que precisam de estrutura e segurança”, completa.

The post Primeiro Pedal na Área de Proteção ao Ciclismo de Competição de Balneário Camboriú nesta quinta-feira first appeared on Página 3 – Notícias de Balneário Camboriú.

Mais notícias dessa editoria

Advertisment

Leia também